O Programa de Pós-Graduação em Educação Ambiental conta com vários núcleos de pesquisa e extensão, já estruturados e com os respectivos trabalhos já consolidados, proporcionando não só suporte às pesquisas desenvolvidas no âmbito do Curso, mas também se constituindo em espaços de interação e experiências aos alunos da pós-graduação e mesmo da graduação. Abaixo, estão relacionados e caracterizados os mencionados laboratórios, centros e núcleos:

1) Laboratório de Informática do Programa de Pós-Graduação em Educação Ambiental (LABOINFO);

2) Laboratório do Projeto Modelagem Computacional Semiquantitativa e Quantitativa em Ciências e Educação Ambiental (ModelCiências) - coordenado pelo Prof. Dr. Arion de Castro Kurtz dos Santos. Os pesquisadores vinculados a esse Laboratório desenvolvem suas atividades junto aos laboratórios computacionais didáticos do IMEF – Instituto de Matemática, Estatística e Física.

GRUPO-CNPQ:

http://dgp.cnpq.br/buscaoperacional/detalhepesq.jsp?pesq=5540610604613636;

3) Laboratório de Estudos e Processos Socioambientais e Produção Coletiva de Saúde (LAMSA) - tem como preocupação a produção de saúde e atenção primária ambiental. É coordenado pela Profª. Drª. Marta Regina Cezar Vaz;

4) Centro de Educação Ambiental, Ciências e Matemática (CEAMECIM) - coordenado pela Prof. Drª Paula Regina Costa Ribeiro e pela Profª. Drª. Débora Pereira Laurino. Esse Laboratório ocupa um pavilhão equipado com recursos didáticos e audiovisuais, com uma central de empréstimo com acervo de cerca de 5000 (cinco mil) livros, 3.000 (três mil) revistas, 200 (duzentos) filmes e 50 (cinquenta) slides;

5) Centro de Estudos Psicológicos sobre Meninos e Meninas de Rua (CEP-RUA) congrega estudantes de graduação de diferentes áreas, de Pós-Graduação em Educação Ambiental e profissionais dos mais diversos campos de atuação, interessados na produção de conhecimento científico sobre Educação e desenvolvimento de populações em situações de risco. É coordenado pela Profª. Drª. Simone Paludo e Maria Angela Mattar Yunes, em uma parceria da FURG com a UFRGS;

6) Centro de Formação e Orientação Pedagógica (CFOP) resultado de um projeto coletivo envolvendo todas as graduações em licenciaturas da Instituição e a Pós-Graduação em Educação Ambiental. Constitui-se num espaço físico definido - uma estrutura em colmeia com ambientes diferenciados;

7) Núcleo de Pesquisa-Ação. De caráter extensionista e aberto à comunidade, envolve uma equipe de profissionais de diversas áreas (agroecologia, filosofia, artes, pedagogia, psicologia, culturas afro-descendentes, história, etc.). Busca aprofundar as linhas de reflexão e de microintervenção no cotidiano por meio de visitas de trabalhos coletivos ao Sítio Agroecológico, de pesquisas individuais e de oficinas de pedagogia intensiva, comprometidos com o meio ambiente, a educação e os direitos humanos. Coordenado pelo Prof. Dr. Alfredo Guillermo Martín;

8) Núcleo de pesquisa e Estudos em Psicologia Social (NUPEPSO) - espaço de criação, reflexão e intervenção no âmbito da pesquisa do ensino e da extensão, na área da Psicologia Social, na interface com a Educação e a Educação Ambiental. Coordenado pela Profª. Drª. Susana Inês Molon em colaboração com o grupo de pesquisadores da área de Educação e da Psicologia de Universidades do sul do país, UFSC e UNIVALI;

9) Núcleo de Estudos e Pesquisas da Complexidade congrega professores e alunos da pós-graduação e da graduação de diferentes departamentos da FURG, bem como docentes e discentes das redes de ensino do município e da região, voltados ao estudo, pesquisa e extensão a partir do debate e das contribuições que o paradigma da complexidade traz com as suas metodologias e enfoques múltiplos da realidade. Oportuniza um encontro marcado pela sensibilidade transdisciplinar na formação permanente, crítica e transformadora do real e na perspectiva de uma educação inclusiva, problematizadora, na qual o conhecimento se realiza em um comprometimento mútuo com a ética e o respeito pela vida como um todo. Coordenado pelo Prof. Dr. Humberto Calloni, em colaboração com o grupo de pesquisadores do pensamento complexo da UFRGS;

10) Núcleo da Terceira Idade – NUTI. O Programa de Lazer, Educação e Cultura para Idosos da Comunidade do Rio Grande/RS é realizado desde 1994, através do Núcleo Universitário da Terceira Idade da Universidade Federal do Rio Grande – NUTI-FURG foi criado pela Profª. Drª. Ivalina Porto. Desenvolve estudos interdisciplinares, interinstitucionais e interdepartamentais sobre o envelhecimento, analisando a questão social do idoso e oferecendo subsídios para uma política de resgate de sua cidadania. A proposta de trabalho contempla ações de ensino, pesquisa e extensão. O atendimento aos integrantes do NUTI é feito por professoras, bolsistas de trabalho, estagiários e voluntários da FURG, profissionais voluntários da comunidade que desenvolvem os seguintes projetos: Grupo de convivência; Grupo de entreajuda; Ioga; Aulas de espanhol; Aulas de inglês; Alfabetização; Educação física; Informática e outros, direcionados para uma efetiva integração comunitária, como: Grupo de teatro; Canto coral; Artesanato; Danças de salão; Atividades artísticas, culturais e de lazer. São desenvolvidas pesquisas sobre a temática do idoso e do envelhecimento, levantando dados que subsidiam novas propostas da ação. O Programa pretende alcançar seu objetivo de integração do idoso na família e na comunidade, promovendo debates e reflexões sobre a terceira idade, oferecendo uma educação continuada e abrindo espaços para que os participantes possam comunicar suas experiências, resgatar seus projetos de vida e redirecionar suas aspirações pessoais e profissionais, elevando a autoimagem e o sentimento de valorização pessoal;

11) Nucleo de Pesquisa Política, Natureza e Cidade - O grupo de pesquisa, vinculado ao IE/PPGEA constitui-se de diferentes pesquisadores envolvidos em temas relacionados às ciências ambientais (educação ambiental, políticas e formação de professores. É coordenado pelo Prof. Dr. Carlos Machado. Desenvolve atividades educativas, de pesquisa e de extensão relacionadas aos temas bem como promove paletras, cursos, orientações e publicações sobre a temática. Nos últimos anos vêm ampliando suas relações com pesquisadores cubanos (Universidad de las Villas e Cienfuegos) e uruguaios (Universidad de La República).